Meu humor



Meu perfil
BRASIL, Sudeste, SAO PAULO, ANHANGUERA, Mulher, de 36 a 45 anos, Portuguese, English, Livros, Viagens
Outro - Silgluiz@yahoo.com.br




Arquivos

Votação
 Dê uma nota para meu blog

Outros links
 poesiasentimentoabstrato
 facebook
 wix
 UOL - O melhor conteúdo




Abra a porta e seja feliz!
 


No afã de agradar

esquecemos de viver!

Silvana Gonçalves Luiz



Escrito por silvana gonçalves luiz às 12h03
[] []





Poesia Concreta- Início década de 1950.

A poesia concreta propõe o poema-objeto, no qual são utilizados muitos recursos: O visual, a disposição das palavras na folha, a carga semântica.

O poema concreto permite uma leitura múltipla, tornando-se, assim, um desafio ao leitor.



Escrito por silvana gonçalves luiz às 12h02
[] []





Interpretação de um poema

Um poema possui, muitas vezes, vários sentidos.É a tal da plurissignificação inerente a este estilo literário.

Precisamos, enquanto leitores, ler, reler, refletir e interpretar, estabelecendo relações entre o aspecto rítmico,

 o vocabulário,a gramática,a organizaçõ sintática,figuras.



Escrito por silvana gonçalves luiz às 10h22
[] []





Acróstico

Acróstico:Composição poética em que as letras iniciais do versos formam verticalmente palavras ou frases.

Penso

ouso

esqueço o passado

sentimento abstrato

invento meus versos

alma emerge...



Escrito por silvana gonçalves luiz às 13h07
[] []





Conceito de literatura

No texto literário, as regras tradicionais da gramática são muitas vezes quebradas ou transformadas

em função da mensagem que se deseja transmitir.O uso poético da palavra vai além de sua significação

e permite ao leitor descobrir novos caminhos para entender a mensagem.

 

Resumindo: A literatura é arte(Linguagem de múltiplas significações(conotativa) e sua originalidade.



Escrito por silvana gonçalves luiz às 14h41
[] []





Irei abordar  sobre o uso de figuras de linguagem da contrução de um poema:

Uma das mais utilizadas é a metáfora : METÁFORA: Consiste no desvio da significação própria de uma palavra, nascido de uma comparação mental ou

característica comum entre dois seres ou fatos."Porém abrindo Silvia os dois diamantes"Gregório de Matos

 Diamantes=olhos

ANTÌTESE: Consiste na aproximação de palavras ou expressões de sentido oposto.

"A bela ocasião das minhas dores"Gregório de Matos

Bela ocasião#dores

Antítese:



Escrito por silvana gonçalves luiz às 16h52
[] []





Acessem meu site: www.wix.com/silgluiz/pensamentos, postem seu comentário e concorra ao sorteio de 1 exemplar de Pensamentos I que será realizado em13/08/12



Escrito por silvana gonçalves luiz às 12h12
[] []





Irei postar  1 vez por semana dicas  da arte da poesia(Rimas, ritmo, figuras de linguagem,metrificação....a licença poética)

Todas as quartas!!!!! nâo percam



Escrito por silvana gonçalves luiz às 12h09
[] []





Poderosa Senhora!

" Mente do ser;

Senhora poderosa!

Corpo...carne viva,

senhor submisso!

senhor manipulado,

exaltado ou maltratado;

decisão do complexo ser.

 

Mente e corpo...

Sua senhora...seu vassalo !

 



Escrito por silvana gonçalves luiz às 16h15
[] []





"Feliz do poeta que transforma a palavra em obra de arte;

Feliz dos que se sentem vitoriosos

mesmo diante das derrotas...

Feliz é aquele que quer ser feliz "



Escrito por silvana gonçalves luiz às 10h32
[] []





Conheçam meu site: www.wix.com/silgluiz/pensamentos



Escrito por silvana gonçalves luiz às 19h14
[] []





Sonhar...

"Sonhar é cultivar o desejo...

de querer sempre viver um pouco mais..."

 



Escrito por silvana gonçalves luiz às 11h27
[] []





Pessoal, estarei na Bienal dia 11/08 no estande da All Print editota. (13h00 às 15h00)

Divulgação de" Pensamentos I"(82 poemas que falam de nossos sentimentos)

Conto com a presença de todos!



Escrito por silvana gonçalves luiz às 11h22
[] []





Travessura inocente...

mãe enlouquece;

Prepara o chocolate quente;

Com seu abraço o aquece!

 

Pinta a casinha como artista;

Chuta a bola na vidraça do vizinho;

Sempre desaparece da vista;

infância vivida com carinho!

 

 

 



Escrito por silvana gonçalves luiz às 19h02
[] []





Para que nome?

Não quero que me chamem

de Ciclano,nem Beltrano.

Quero apenas que me chamem!

 

Quero apenas que saibam

que existo...

que escrevo.

Para que nome?



Escrito por silvana gonçalves luiz às 12h33
[] []



 
  [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]